sábado, 5 de maio de 2012

.4

     Começo a ficar um pouco cansada disto tudo e quando não tinha nada para fazer escrevi uma carta:
     "Eu amo-te, eu amo-te muito, mas como és capaz de fazer uma coisa destas? Já não chega? Por tudo o que a mãe passou não achas que é o suficiente? Por favor abre os olhos! Por mais problemas que tenhas não é a bebida que os vai resolver e não é encharcares-te de bebida que a tua vida vai melhorar, mas sim pelo contrário porque só estás a piorar. É de passou de mês/mês para semana/semana, depois para de 2 em 2 dias e agora são mesmo todos os dias! Serve-te de alguma coisa? Alguma vez serviu? Então aprende porra! Não vês que a mãe só se preocupa contigo agora? Ah, desculpa, só te preocupas em beber e nem dás por isso. Mas sabes, apesar da mão ter tido cancro tu continuas, apesar da mãe ter desmaiado a semana passada tu continuas, apesar de saberes que o cancro volta com as preocupações tu continuas, e acredita que tu és a maior preocupação dela! Nem imaginas quantas vezes ela já chorou por estares num alcoólico, por pensar que a qualquer momento de tanta bebida, dá-te um malzinho qualquer. E nem é só por ela, fá-lo também por ti porque é vergonhoso estares sempre assim no negócio, vergonhoso! Mas sim, a principal razão é pela minha mãe, porque apesar de tudo o que fazes e de tudo o que já lhe fizeste, ela continua contigo, a tentar pôr-te juízo na cabeça. Por favor, pensa em quem te ama antes de começares a beber..."

     Ainda não lhe mostrei isto, mas acreditem que está para breve. Não aguento ver a minha mãe sofrer, nem aguento ver o meu pai a destruir-se desta forma... Mas encontrei uma frase muito gira e penso sempre nela quando tenho alguma dificuldade e assim sinto-me menos triste.


     Amanhã é o dia da MÃE! O que compraram para as vossas? Eu não tive dinheiro suficiente para lhe comprar uma prenda, mas escrevi-lhe uma carta e penso que ela vai adorar!

3 comentários:

  1. :( Espero que esta situação se resolva rapidamente querida. E mostra-lhe a carta, pode ser que ele 'acorde' e tente mudar.
    Força princesa! E qualquer coisa podes contar comigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho melhor não. Eu já sei que ele vai deixar de falar comigo por uns tempos e que ainda faz pior...
      Muito obrigada :')

      Eliminar
  2. Não deve ser uma situação nada fácil de lidar. Espero que tudo se resolva pelo melhor, e que o teu pai abra os olhos e se aperceba da dor que tem causado :S Muita força e coragem.

    ResponderEliminar